Unigran Capital

6 habilidades e competências que um fisioterapeuta precisa ter

Você ainda está com aquela dúvida de qual curso fazer e gosta das áreas relacionada à saúde? Já pensou sobre o curso de Fisioterapia?  O profissional dessa área precisa ter algumas competências e habilidades necessárias para o desenvolvimento da sua rotina profissional.

Confira neste post 6 itens que separamos para você sobre algumas dessas habilidades. O artigo poderá te ajudar a identificar se você se encaixa neste perfil e descobrir se esse curso é o ideal para você!

1. Ser observador(a) e ter atenção à saúde

Os profissionais de saúde devem assegurar que sua prática seja realizada de forma integrada e contínua com os demais regulamentos e sistema de saúde e ter total atenção e cuidado sobre os procedimentos realizados, contribuindo com ações de prevenção, promoção, proteção e reabilitação da saúde.

Aprender a observar cada movimento e cada detalhe do corpo humano em ação, é um dos pontos primordiais dessa profissão, levando em consideração que a responsabilidade do profissional está além de uma simples consulta e sim na resolução do problema em si.

2. Vontade de ajudar o próximo

Querer o bem para ao próximo e fazer o melhor possível para uma recuperação assertiva e saudável, é uma das principais qualidades e habilidades de um fisioterapeuta. Pois ela é a base de todas as outras competências.

Ter em vista o bem estar da comunidade, envolvendo compromisso, responsabilidade, empatia e habilidade para tomada de decisões de forma efetiva e eficaz. Seu empenho como profissional vai ser sempre pensando no melhor para o próximo e o bem de todos.

3. Disposição física e interesse pelo corpo humano

Em sua rotina profissional, o fisioterapeuta fará procedimentos para auxiliar os pacientes a testar sua coordenação motora, equilíbrio e execução dos movimentos, fazendo massagens, dando apoio e entre outros procedimentos.

Para melhor auxiliar o paciente nesses procedimentos, o ideal é que o fisioterapeuta tenha uma ótima disposição física e muito interesse sobre o corpo humano. Os tratamentos normalmente ajudam a controlar a coordenação e a melhorar a resistência, força e flexibilidade. Portanto, é essencial conhecer técnicas e procedimentos para estimular todas essas ações de forma eficaz.

4. Criatividade

Atualmente, criatividade é uma habilidade que todas as profissões deveriam ter ou exercitar, com o fisioterapeuta não é diferente.

Por ter vasto conhecimento sobre variados equipamentos, referências e diversos procedimentos para conduzir o tratamento de um paciente é interessante que, além do estudo profundo sobre o caso, o fisioterapeuta tenha criatividade em desenvolver o processo de recuperação da melhor forma possível e personalizada.

Nem sempre o que deu certo em um vai dar o mesmo resultado para outro paciente. Cada organismo responde de um jeito e por isso é essencial buscar a cada dia um toque a mais de criatividade. Os profissionais da área costumam usar, água, calor, eletricidade, massagens e aparelhos de ginástica para ajudar um paciente a testar e estimular seus movimentos. Vai do profissional criar o melhor procedimento para o tratamento de cada necessidade.

5. Estar em constante atualização

A sua rotina de estudos não deve nunca acabar! Se você quer se tornar um profissional expert na área, além de ficar atento a todas as tendências do mercado sobre a sua área atuante, você precisa saber usar as tecnologias a seu favor.

Todos os dias, novos métodos de tratamento e equipamentos surgem para facilitar a vida dos profissionais a tratar seus pacientes com agilidade. Os profissionais de saúde devem ter responsabilidade e compromisso com a educação e com o conhecimento. Fazer pós-graduação, especializações e cursos é essencial para estar em constante atualização do que o mercado e os pacientes esperam de você!

6. Equilíbrio emocional

O profissional de fisioterapia sempre depara com pacientes que passaram por várias situações delicadas na vida. Para poder ajudar o paciente, mesmo que na forma física, é preciso entender que também há um trabalho emocional por trás de todo o procedimento.

A habilidade de saber se comunicar adequadamente com paciente e seus familiares é importante, pois é preciso manter a postura ética para conseguir informar qualquer coisa com suavidade. Nem sempre temos a facilidade de tratar assuntos delicados da forma certa, mas é possível adquirir isso com a experiência da prática, com determinação e amor pela profissão, você se tornará um profissional e tanto!

“Para obter as realizações mais elevadas do escopo das nossas capacidades em todos os aspectos da vida, devemos nos esforçar constantemente para desenvolver corpos fortes e saudáveis e para desenvolver nossas mentes ao máximo das nossas habilidades.” – Joseph Pilates

E aí, o que você achou das habilidades e competências que são importantes para o profissional de Fisioterapia? Lembra de alguma característica que não citamos aqui? Fala para a gente nos comentários! Não se esqueça: o fisioterapeuta trabalha com total dedicação e amor ao próximo.

Vai de cada profissional escolher dentre essas habilidades e até mesmo incluir mais conceitos para ter uma rotina profissional de sucesso.

O curso de Fisioterapia da Unigran Capital proporciona uma formação sólida e qualificada para que o futuro fisioterapeuta seja capacitado para atuar em todos os níveis de atenção à saúde! Confira o nosso post com as 5 formas de ingresso para a faculdade e comece a estudar na melhor do estado!

Bitnami