Unigran Capital

metodologias ativas

Metodologias ativas e empreendedorismo na pós-graduação

O processo de educar, devido a múltiplos fatores, como a agilidade na produção de conhecimento, os avanços do saber científico e, principalmente, da facilidade de acesso à vasta gama de informação, deixou de ser baseado na mera transmissão de conhecimentos.

É nessa perspectiva que se encontram as metodologias ativas, como uma possibilidade de deslocamento da perspectiva do docente (ensino) para o aluno (aprendizagem), ideia corroborada por Paulo Freire (2015) ao referir-se à educação como um processo que não é realizado por outrem, ou pelo próprio sujeito, mas que se realiza na interação entre sujeitos históricos por meio de suas palavras, ações e reflexões. Com base nessa ideia, o conhecimento é construído de forma colaborativa, onde os alunos passam a assumir um papel ativo na aprendizagem, posto que têm suas experiências, saberes e opiniões valorizadas como ponto de partida para construção do conhecimento.

Para a coordenadora da pós-graduação da faculdade, Luciana Rezende, “As metodologias ativas visam estimular a autoaprendizagem e a curiosidade do aluno para pesquisar, refletir e analisar possíveis situações para tomada de decisão, sendo o professor apenas o facilitador desse processo”, afirma.

O uso das metodologias ativas nos cursos de pós-graduação criam também novas possibilidades no que tange ao desenvolvimento de competências empreendedoras, necessárias diante do cenário de competitividade e avanços tecnológicos, que permeiam a vida cotidiana. Desta forma o desenvolvimento de novas habilidades exigidas pelo mercado de trabalho acontecem de modo natural, divertido e interessante.

Acompanhando a tendência de inovação acadêmica, os cursos de Pós-Graduação da Unigran Capital contam com profissionais dedicados em transformar a concepção da aprendizagem através da aplicação das metodologias ativas, sendo a sala de aula também adequada às novas de estratégias pedagógicas. Em destaque, a disciplina de Empreendedorismo e Inovação, ministrada pelo Prof. Dr. Djanires Lageano Neto, realizado na sala de metodologias ativas da faculdade, que promove ampliação de visão, descoberta de potencialidades e atitudes positivas de engajamento e curiosidade pelo saber, aplicado às áreas de atuação profissional dos alunos.

Para o professor, “O aprendizado fica mais eficaz quando as metodologias ativas atingem a participação direta no desenvolvimento social dos alunos. O bom humor, o uso das tecnologias e o espírito de trabalho em equipe são combustíveis para a fixação das informações. Os alunos vivenciam o conteúdo e podem trabalhar a autoconfiança ao tomar decisões e desenvolver habilidades para cooperar com o grupo. Passam, inclusive, a se expressarem melhor tanto oralmente quanto na escrita”.

De acordo com a aluna da pós, Iris Saito, “Aprender o empreendedorismo com metodologias ativas foi uma experiência incrível. Me inspirou a pensar fora da ‘caixa’”, destaca.

Bitnami