Unigran Capital

Fazer faculdade: 7 motivos que comprovam que vale a pena!

Fazer faculdade: 7 motivos que comprovam que vale a pena!

É muito comum entre os jovens que deixam o ensino médio a busca pelo ingresso quase que imediato ao mercado de trabalho, motivados pela procura urgente da tão sonhada independência financeira ou mesmo pelo interesse em praticar alguma atividade remunerada. Como consequência, a realização de uma graduação passa ao segundo plano, tornando-se, com o tempo, uma realidade mais distante de ser atingida.

No entanto, o investimento em um curso superior gera inúmeros frutos — a curto, médio e longo prazo —, pois o ingresso em uma faculdade possui relação direta com a melhoria do futuro do estudante, em seus mais amplos aspectos.

Duvida? Então, confira a seguir 7 motivos para fazer faculdade e se surpreenda com tantas possibilidades positivas que podem surgir em sua vida!

1. Investir no seu crescimento pessoal

O ingresso em uma faculdade estimula a convivência com muitas pessoas, de diferentes culturas, raças, religiões e crenças, proporcionando uma troca incrível de experiências e de formas de vida.

Assim, os estudantes ampliam sua visão de mundo ao se depararem com novas realidades, e isso gera consequências extremamente positivas: crescimento e obtenção de maturidade.

Ainda, o jovem é estimulado a sair de sua zona de conforto e aprender como solucionar os problemas que podem surgir no dia a dia, sejam eles relacionados à própria convivência com pessoas tão diferentes, à dificuldade em organizar a nova rotina ou, também, ao tipo de ensino utilizado nas faculdades — pautado no entendimento de que os alunos possuem maior independência na aprendizagem.

2. Conquistar um bom emprego

Não é novidade que os índices de desemprego no Brasil são consideráveis, certo? Pois bem, para sua visualização em números, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou que, em janeiro de 2018, 12,7 milhões de pessoas estavam desempregadas.

Por isso, quanto mais qualificações o profissional possuir, maior se torna a sua chance de colocação no mercado de trabalho, e o ingresso em um curso superior é a base de tais qualificações.

Procure um curso mais adequado ao seu perfil — aliando as suas habilidades e aptidões à sua escolha — , busque uma instituição de renome e ganhe (muita!) vantagem entre os seus concorrentes no mercado de trabalho.

3. Adquirir estabilidade financeira

Como consequência direta de uma melhor colocação no mercado de trabalho, surge a melhoria no retorno financeiro — e quem não fica feliz com mais dinheiro em mãos? Um jovem graduado possui maiores chances de se consolidar profissionalmente e de receber salários mais altos, justamente como forma de contraprestação de seu conhecimento adquirido na graduação e aplicado no cotidiano laboral.

Tanto é verdade que, em grandes empresas e corporações, há bonificações fixas para profissionais que se graduam. Mesmo em estabelecimentos que não possuem tal política, nada impede que o profissional recém-graduado consiga um aumento salarial.

4. Criar um networking forte

Networking é um termo em inglês utilizado para definir a capacidade de estabelecimento de uma rede de contatos, sendo tal competência extremamente relevante para que o estudante adquira recomendações importantes e que o auxiliem em seu futuro profissional.

Por isso, a realização de uma graduação permite a aproximação do jovem aos mais diversos profissionais — como professores, técnicos de laboratório e coordenadores de curso, por exemplo —, o que pode implicar uma indicação a uma vaga de trabalho importante.

Ainda, universidades de qualidade promovem atividades, eventos, palestras e workshops com o fim de aprimorar o ensino oferecido a seus alunos, e, em tais atividades, profissionais de renome são convidados a dissertarem sobre temas diversos. Às vezes, a sua oportunidade de ouro pode estar justamente naquela palestra de segunda-feira!

5. Realizar um intercâmbio

A realização de um intercâmbio estudantil é o sonho de muitos jovens, considerando o ganho de experiências que ele proporciona, o conhecimento de novas culturas e, ainda, a diferenciação curricular do jovem intercambista, qualificando-o ainda mais para o mercado de trabalho.

Assim, o ingresso em um curso superior possibilita o estudante de buscar uma universidade no exterior (parceira de sua universidade no Brasil), pesquisar períodos compatíveis entre as grades curriculares de ambas e requerer o intercâmbio.

Depois de toda a documentação pronta e os detalhes acertados, o próximo passo é pegar o avião e decolar — mais uma experiência incrível que a vida universitária permite!

6. Seguir a carreira acadêmica

A carreira acadêmica é uma das mais nobres no país — senão a mais importante — considerando a sua influência na formação de cabeças pensantes e de profissionais que atuarão pelo país e mundo afora em inúmeras áreas. Embora existam ramos tão diferentes de ensino, tais como a Medicina, o Direito e a Engenharia, o corpo docente é que os torna similares.

E o que isso significa? Que, sem a existência dos professores, o ensino torna-se impossível de ser levado adiante. Portanto, a tarefa de ensinar e de compartilhar conhecimento é extremamente grandiosa e necessária para a continuidade da formação profissional dos jovens.

Desse modo, a carreira acadêmica surge como mais uma possibilidade de caminho para estudantes universitários que, inclusive, podem tomar gosto por tal perspectiva a partir da participação em projetos de pesquisa, ensino e extensão nas próprias faculdades.

7. Incrementar a sua formação com cursos e especializações

O desenvolvimento da formação do jovem recém-graduado pode ocorrer por meio de participação em cursos, especializações, e até mesmo, com o ingresso em programas de mestrado e doutorado — tipos de pós-graduações stricto sensu, mais aprofundadas e densas, voltadas a quem pretende lecionar.

Desse modo, o ingresso no ensino superior acaba funcionando como uma porta, e a partir da realização de uma graduação, um amplo leque se abre e inúmeras possibilidades surgem, no que tange à vida profissional do estudante, tornando-o mais seguro, estável e feliz.

Portanto, fazer faculdade gera consequências muito maiores do que simplesmente a obtenção do diploma, pois a mudança de vida do jovem graduado e a influência que ela proporciona em seu futuro é imensa. Não hesite em buscar o curso mais adequado ao seu perfil e sinta a transformação em sua vida!

Gostou de saber os 7 motivos que comprovam que vale a pena fazer faculdade? Conheça os nossos cursos de graduação presenciais, semi e EAD.

Bitnami